09 janeiro 2016

O que seu filho vai lembrar




Ontem me peguei pensando nas memórias que trazemos da infância. Que fatos, cenas, cheiros e sabores nos transportam para aquela época e que lembranças contribuíram para ser o que somos. 
Vejo por mim: picolé de milho verde, empadinha com chocoleite, gibi da turma da Mônica, brincar de polícia e ladrão, bonequinhas de papel, nadar na piscina abarrotada do clube. E comer um risoles depois. Muito nutritivo. 
Receber meu pai após um dia de trabalho, o cheiro de alho nas mãos da minha mãe, o pêlo do meu cachorro, meus irmãos brincando comigo ou ao meu lado, álbum de figurinhas pelas boas notas do bimestre, lápis de cor novos. 
As lembranças são simples e a maioria feliz. As da adolescência são mais punks, mas isso é tema para outro post. 
O fato é que me perguntei quais seriam as lembranças da minha filha e, dentre tantas, qual seria a de maior carga emocional para seu desenvolvimento futuro. 
Após pensar muito, entendi que, do meu ponto de vista, seriam os momentos que temos juntos. Em especial os de leitura. Minha filha tem só sete anos, recém completos, ainda não lê fluentemente. Então, eu e meu marido costumamos ler para ela. É um momento divertido e único, que acontece todas as noites, antes de dormir. Ela aguarda com euforia a hora em que um de nós dois fará a leitura. Claro que tal hábito se extende para outras horas do dia, principalmente aos finais de semana ou quando viajamos. Vale tudo. Livro, gibi, tirinhas...E, preciso confessar, é um momento delicioso, onde nos divertirmos tanto quanto ela. Costumo fazer vozes, encarnar os personagens e as vezes, quando estamos no carro ou almoçando, nos pegamos rindo de alguma piada, de algum gibi ou livro que lemos na noite anterior. Quem olha de fora deve achar que somos uma família de loucos felizes. 
Sim, obrigada por reparar. 
Entendo que, no balaio de memórias, as mais fortes serão aquelas com maior carga de afeto, seja ele positivo ou não. 
Sei que minha filha terá lá suas lembranças negativas, como eu, mas espero, de coração, que a maior parte envolva bolo quentinho, livros e risadas. 

Um comentário:

  1. Guria,tu consegues colocarno papel tudo o que as pessoas sentem, pensam ou fazem. Parabéns.

    ResponderExcluir